Telefone:

Prefeitura realiza ações de conscientização no Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

Para lembrar o Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes, que acontece no dia 18 de maio, as quatro unidades dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) de Franco da Rocha realizaram durante todo o dia diversas ações de conscientização sobre o tema. As atividades aconteceram por meio da Secretaria de Assistência Social, com foco na disseminação de informação sobre os crimes de abuso e exploração sexual, além das formas de denúncia dos casos. Em respeito aos protocolos de contenção da Covid-19, neste ano não houve reuniões e rodas de conversa presenciais, no entanto, os usuários que utilizam os serviços dos centros de referência receberam orientações e o material informativo da campanha para tornarem-se multiplicadores das informações. De forma virtual, também houve divulgação nos grupos de aplicativo mantidos entre os Cras e os os frequentadores. Desta forma, para convocar toda sociedade para o compromisso de proteger as crianças e adolescentes, as equipes dos Cras saíram às ruas para informar a população, tirar dúvidas e divulgar os canais de denúncia de violação de direitos das crianças e adolescentes. A Secretaria de Assistência Social de Franco da Rocha atua diretamente no atendimento às vítimas e aos familiares. Segundo a secretária Adjunta da pasta, Iara Coqueiro, tanto os Cras quanto o Creas atuam no enfrentamento e combate ao abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes e na ruptura dessa cultura. "O papel do Cras é executar atividades preventivas nos coletivos de Proteção e Atendimento Integral à Família (PAIF) e Serviço de Convivência por meio de atividades socioeducativas, lúdicas e das campanhas de conscientização. No CREAS realizamos a acolhida da vítima e de sua famílias para atendimento psicossocial, na perspectiva da redução de danos e superação das situações de violência", pontua Iara. "Ressalto ainda, a importância do trabalho em rede, tanto nas atividades preventivas quanto na identificação e denúncias, até acolhimento das pessoas em situação de violação de direitos. Os meios de comunicação e canais de denúncias são de suma importância para que o os sistema de garantia de direitos possa agir em defesas da criança vítimas de abuso e exploração sexual", acrescenta a secretária adjunta. Disque 100 - Denúncia de violação de direitos humanos O Disque Direitos Humanos - Disque 100 -, é um serviço disseminação de informações sobre direitos de grupos vulneráveis e de denúncias de violações de direitos. O serviço pode ser considerado como “pronto socorro” dos direitos humanos e atende graves situações de violações que acabaram de ocorrer ou que ainda estão em curso, acionando os órgãos competentes e possibilitando o flagrante. O serviço funciona diariamente, 24 horas, por dia, incluindo sábados, domingos e feriados. As ligações podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita, de qualquer terminal telefônico fixo ou móvel, bastando discar 100. Outra forma de denunciar é buscar o conselho tutelar pelo 0800 18 11 447, a ligação gratuita. Franco da Rocha possui duas unidades do conselho: Conselho Tutelar 1 Leste Endereço: rua Hercílio Caetano Pereira, nº 3 - Vila Martinho Fone: 4800-7492 ou 4800-7495 Conselho Tutelar 2 Oeste Endereço: rua Antônio Cardoso Moreira, nº 180 - Centro Fone: 4800-7579 Texto: Luana Nascimento - Foto: Equipe Assistência Social fonte: http://www.francodarocha.sp.gov.br/
Telefone:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Telefone: